Empreende Brazil Conference comemora 10 anos com legado de conhecimento e impacto na economia de SC

O Empreende Brazil Conference lotou a Arena Opus, neste final de semana, em uma edição histórica que comemorou uma década de história. O evento capacitou cerca de 6 mil pessoas em cada dia, com uma programação intensa com mais de 12 horas diárias de atrações, mais de 70 palestrantes, painéis, oficinas e Feira de Negócios. Com mais da metade dos participantes vindos de fora da Grande Florianópolis, a conferência injetou mais de R$ 30 milhões na economia da região.

Para o fundador do evento e CEO da LS Holding, Lucas Schweitzer, a edição 2024 do Empreende Brazil superou todas as expectativas. “Mesmo com a ausência de muitos participantes e empresários do Rio Grande do Sul, que não puderam estar presentes, o evento reuniu um grande público, em dois dias de programação. O Empreende Brazil é um encontro de mentes brilhantes e, nesta edição histórica de 10 anos, tivemos novamente a oportunidade de aprender com grandes nomes”, avalia.

Pela arena principal passaram palestrantes como o estrategista digital Pablo Marçal, o jornalista Roberto Cabrini, a apresentadora Gabriela Prioli, os atores Deborah Secco e Malvino Salvador e o especialista em marketing digital, João Branco, que levaram uma multidão para a plateia. Além do palco principal, a troca de experiências e o conteúdo sobre empreendedorismo também foram oferecidos de forma simultânea em arenas temáticas com grandes nomes do mercado brasileiro e também expoentes de diferentes segmentos do empreendedorismo. O público ainda teve acesso a mentorias com profissionais com larga experiência no mercado.

Um dos momentos mais aguardados foi a palestra do ex-ministro da Economia Paulo Guedes, que falou sobre as oportunidades e desafios da economia no Brasil. Apresentando um panorama do cenário econômico mundial, principalmente após o impacto da Guerra da Ucrânia, Guedes ressaltou o papel brasileiro. “O Brasil é uma peça indispensável para o mundo, com agricultura forte, produção de proteínas, água, recursos naturais e combustíveis para trocar com a China e com a Índia, que vai se tornar um gigante. O Brasil será ainda a segurança energética da Europa, com uma energia muito mais barata, mais limpa e renovável”, previu o economista.

Também presente no evento, o governador Jorginho Mello destacou a vocação empreendedora de Santa Catarina. Ele enfatizou que o estado é um polo de inovação, com um ecossistema robusto que inclui startups, incubadoras e aceleradoras. O governador falou ainda sobre os esforços do Governo para apoiar os empreendedores, mencionando programas de incentivo fiscal, investimentos em infraestrutura e parcerias com instituições de ensino e pesquisa.

Em paralelo à programação de palestras, o Empreende Brazil também contou com uma Feira de Negócios com mais de 70 empresas e entidades empresariais, um ambiente para networking e prospecção de oportunidades e negócios. A estimativa da organização é que o evento tenha injetado mais de R$ 30 milhões na economia catarinense, pelo movimento que gera em mais de 50 segmentos da cadeia produtiva, com impacto direto e indireto em áreas como transporte aéreo e terrestre, hotéis, restaurantes, setor de serviços e comércio.

De acordo com Lucas Schweitzer, o grande legado do 10º Empreende Brazil Conference é a diminuição da mortalidade das empresas através da educação empreendedora. “Quando o empreendedor entra na arena da conferência ele tem acesso a novos pontos de vista, novas informações e contatos que podem mudar para sempre a história de sua empresa. A estrutura do evento possibilita muitas oportunidades para gerar novos resultados”, assinala.

Crédito Fotógrafo: Flávio lengruber